Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Veja vídeos

Argentina derrota Canadá e vai decidir a Copa América mais uma vez

Folhapress
10 jul 2024 às 07:51
- X/Copa América
Publicidade
Publicidade

A Argentina confirmou seu favoritismo, na noite de terça-feira (9), e avançou a mais uma final de Copa América, a 30ª de sua história. A atual campeã derrotou o Canadá por 2 a 0, no MetLife Stadium, em East Rutherford, gols marcados por Julián Álvarez e Lionel Messi.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Palmeiras

Abel diz que é verdadeiro com Dudu e alfineta torcida: 'Se fosse o Rony...'

Imagem de destaque
Cumpre contrato

Gabigol crava que fica no Flamengo até dezembro e pede fim de 'mentiras'

Imagem de destaque
Votação popular

Felipe Anderson herda número de Endrick no Palmeiras por decisão da torcida

Imagem de destaque
Assista aos gols:

Fortaleza vence no Maracanã e tira Flamengo da liderança do Brasileirão

A decisão está marcada para domingo (14), às 21h (de Brasília), no Hard Rock Stadium, em Miami Gardens. O adversário sairá do confronto entre Uruguai e Colômbia, que ocorrerá às 21h de quarta (10), no Bank of America Stadium, em Charlotte.

Publicidade


A edição deste ano da competição tem também equipes da Concacaf, a confederação que reúne as federações da América Central e da América do Norte, não só as da Conmebol, a confederação da América do Sul. E é disputada nos Estados Unidos, em operação comercial para fomentar o esporte no país, sede da próxima Copa do Mundo.


O Canadá aproveitou a oportunidade e fez uma competição satisfatória, mas não resistiu ao poderio dos campeões mundiais, que também o haviam derrotado na primeira rodada, também por 2 a 0. No confronto semifinal, o time vermelho até começou criando dificuldades para o adversário, com boa marcação.

Publicidade


Aos 23 minutos do primeiro tempo, porém, Rodrigo de Paul achou ótimo passe para Julián Álvarez, que dominou bem antes de bater na saída do goleiro Crépau. No início da etapa final, aos seis, Enzo Fernández ficou com sobra na área e finalizou. Lionel Messi fez o desvio na pequena área e marcou.


A Argentina, assim, vai em busca de seu 16º título da Copa América -o Uruguai, outro com 15 taças, divide com ela o posto de maior campeão do torneio. Já o Canadá voltará a campo no sábado (13), quando disputará o terceiro lugar contra o derrotado no embate entre uruguaios e colombianos.

Publicidade


ARGENTINA
Dibu Martínez; Montiel (Molina), Romero, Lisandro Martínez e Tagliafico (Otamendi); Enzo Fernández, De Paul e Mac Allister (Nico González); Messi, Di María (Palacios) e Álvarez (Lautaro Martínez). T.: Lionel Scaloni


CANADÁ
Crépeau; Johnston, Bombito, Cornelius e Davies (Osorio); Koné, Eustáquio (Choinière), Laryea (Ali Ahmed), Jonathan David (Oluwaseyi) e Shaffelburg (Millar); Larin. T.: Jesse Marsch

Publicidade


Local: MetLife Stadium, em Nova Jersey (EUA)
Árbitro: Piero Maza (CHI)
Assistentes: Claudio Urrutia (CHI) e Jose Retamal (CHI)
VAR: Juan Lara (CHI)
Cartões amarelos: Jonathan David, Eustáquio, Koné (CAN); Molina (ARG)
Cartões vermelhos: não houve
Gols: Álvarez (ARG), aos 22 min do 1° tempo; Messi (ARG), aos 5 min do 2° tempo


Imagem
Vinicius Jr pede desculpa por ausência em jogo contra o Uruguai
Vinicius Jr se manifestou sobre a eliminação da seleção brasileira nas quartas de final da Copa América e pediu desculpas por desfalcar o time de Dorival Jr na partida contra o Uruguai. O atacante cumpriu suspensão após receber dois cartões amarelos.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade